Um Pequeno Carcamano

Escrito em forma de contos que dialogam entre si, O Vinho da Juventude relata as peripécias e inquietudes de Jimmy Toscana, um garoto que vive em Denver e é filho de italianos.

Jimmy é um projeto de homem com extrema personalidade e que carrega uma cretinice latente que só está sob controle por conta dos seus valores familiares muito fortes. Isso nos leva a crer que quando adulto será um cretino adorável, típico personagem da literatura beat.

A coleção de contos explora dramas comuns do garoto que está saindo da infância, em uma literatura envolvente e ágil. O autor narra os dilemas do pequeno italiano que se vê entre a curiosidade em explorar e contestar limites e os rígidos valores morais de uma família cristã.

Simbolicamente o vinho – que dá título ao livro – representa a liberdade profana da embriaguez e os rigores da religião. É sobre essa linha tênue que o garoto tenta se equilibrar, hora pendendo para um lado hora para outro. Um belo exemplo desse conflito está no conto “A liga dos Campeões”, onde a rebeldia e auto-suficiência de um futuro grande jogador de beisebol (uma convicção inabálavel para o pequeno jimmy), fraqueja diante do carinho protetor da Irmã Agnes que o livra de algumas enrascadas.

Qualquer semelhança com o perfil de Holden Caufield de Salinger, provavelmente, não é mera coincidência. Em tempo, “O Apanhador nos campos de Centeio” foi publicado quase 10 anos depois.

O Vinho da Juventude, foi publicado em 1940 e é mais uma pérola de John Fante o criador de Arturo Bandini de “Pergunte ao Pó”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: