Um encontro fantástico

[…]

” No centro da praça X, ao pé do busto de Borges, Emiliano Zanahya enfrentava o momento mais grave de sua incipiente carreira literária. Trazia nas mãos o recorte do jornal em que um crítico local diminuía o valor da sua obra chegando a acusá-lo de plágio ou, no mínimo — palavras dele — falta de originalidade. Desapontado, Emiliano recorreu à proteção de seu grande mentor para refletir sobre o significado do profundo golpe que acabara de receber. Como de hábito, estando a sós com o Mestre, iniciou o monólogo que tantas vezes lhe iluminara as ideias:”

[…]

A obra de Jorge Luis Borges inspira muitos autores especialmente nesta região do planeta. Os seus ensaios sobre literatura são fontes de estudo para aqueles que buscam melhorar sua técnica. Que tal poder encontrá-lo para um passeio dentro da sua ficção?
Leia o conto “Passeio com Borges” no ambiente “CONTOS” deste mesmo sítio. E conheça a história fantástica de Emiliano Zanahya.

Nota: Este conto também pode ser lido na versão impressa em “Autores Fantásticos” editora Argonautas (http://argonautaseditora.wordpress.com/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: